Últimas notícias

Amortização Entenda o Que Significa e Como Funciona.



Fazer uma amortização consiste na possibilidade de efetuar um pagamento de uma dívida que pode ser ao financiar algo ou um empréstimo bancário. Desta forma o valor da dívida poderá ser reduzido ao fazer um parcelamento.

Você precisa entender o sistema de amortização de dívidas e ver se isso faz algum sentido na sua vida financeira. A amortização é uma redução do valor total pago em um financiamento ou empréstimo. Na amortização de dívida tradicional, o processo é baseado na progressão gradual das parcelas

Também é possível amortizar seu financiamento através dos parcelamentos ou pagamentos antecipados de taxas. Isso pode ser feito através da forma acordada diretamente no contrato. E esse processo é geralmente feito sobre o valor total da sua dívida, independente dos juros e demais taxas cobradas pelo banco.

Um exemplo é ao fazer o adiantamento de algumas parcelas, o valor total dos juros diminuirá por conta da duração total do empréstimo e assim diminuirá.

Como Funciona o Sistema de Amortização?

O sistema de amortização é usado para determinar como fazer a baixa de dívidas ao decorrer do tempo. E o sistema quem determina é o banco, por isso vale a pena conferir o melhor método usado pelas instituições que você tem empréstimos ou pretende fazer a contratação no futuro.

No Brasil os sistemas de amortização mais usados são o da tabela de preço e o método SAC, conheça cada um!

Tabela Price

Com a amortização de tabela de preços, o valor de cada parcela total permanece o mesmo em todo tempo, mas a taxa e os juros cobrados no início do financiamento são muito maiores e compõem uma parcela maior na entrada.

Embora o valor da dívida possa aumentar o valor pago a cada período permanecerá o mesmo. Sendo assim o empréstimo não será afetado por variáveis ​​como a taxa Selic que afeta a taxa de juros da dívida.

Como Funciona o Método SAC?

Com o método SAC, o valor das parcelas pode mudar ao decorrer do tempo. Então, no início do financiamento, você paga um valor maior, que tem uma variante de forma decrescente. Assim os juros são calculados sobre a parcela e desta forma as taxas ficam menores com o passar do tempo.

A amortização de uma dívida pode ser feita pagando-a em parcelas ou pagando-a integralmente. Em alguns casos, seu saldo do FGTS pode ser usado para fazer um pré-pagamento.

Mas antes de fazer um empréstimo ou amortização de financiamento, é importante considerar alguns fatores sobre sua vida financeira para ver se o processo vale a pena.

Lembrando que é primordial você considerar outras possibilidades de uso do dinheiro, como economizar e fazer uma reserva de emergência.

Dependendo do sistema utilizado, a amortização pode ou não fazer sentido. Por exemplo, no caso de tabelas de preços, a amortização dos valores pode não ter impacto no valor total pago no método SAC, que está mais sujeito a variações nas taxas de juros, e a amortização pode ser importante para apenas para reduzir o valor pagável.

É necessário fazer uma avaliação da taxa de juros no ato da amortização. Para poder aproveitar o momento mais oportuno em que a taxa de juros não é tão alta. Em alguns modelos de empréstimos, é possível apenas fazer uma redução na taxa de juros.

Enfim, você gostou deste artigo?
Portanto, Inscreva-se no canal do YouTube e em nossas redes sociais (como TwitterInstagram). Portanto, você estará atento a todos os assuntos relacionados ao banco digital, cartões de crédito, empréstimos, tecnologia financeira.

Sem comentários

Muito obrigado por deixar sua opinião ela e muito importante.