Últimas notícias

Mercado de trabalho para as mulheres como anda?

Imagem de fundo amarelo mostra uma mulher morena sorrindo segurando uma carteira de trabalho perto de seu rosto.


Diversas trabalhadoras brasileiras foram afetadas na área profissional pela crise de saúde mundial. Aqui nesse artigo você vai ficar sabendo quais foram as dificuldades encontradas pelas, as mulheres no mercado de trabalho antes e depois da pandemia do Covid-19.

Com a chegada da pandemia de Covid-19, muitas trabalhadoras de diversas áreas ficaram desempregadas o impacto causado foi de menos de 50 porcento das mulheres com 14 anos ou mais pertenciam ao mercado de trabalho.

Diante dessa situação de quarentena em 2020 e 2021, com escolas e creches fechadas, o impacto resultante nas famílias para muitas mulheres, foi ainda maior por conta de ter que se dedicar ainda mais à família e aos filhos e isso se tornou uma realidade que acabou á afastando do mercado de trabalho.

E mesmo com toda dificuldade hoje é possível ver um grande progresso porque agora há mais mulheres em grandes conselhos coletivos e conselhos corporativos.

Graças a deus os desafios da pandemia ficaram para trás e no mercado de trabalho já podemos mulheres que até subiram de cargo e puderam alcançar um salário bem melhor!

No ano de 2019 mulheres que tinha cargos gerenciais e gerenciais em educação e saúde ganhavam entorno de 67% do que os homens, já em 2021 essa margem subiu para 72% segundo a economista Cristiane Soares.

A maternidade e o mercado de trabalho

Para muitos empregadores a maternidade pode ser considerada um desafio na vida da mulher, por conta de ter dificuldade para adequar ao horário de trabalho. Seria bom se às leis trabalhistas pudessem dá um pouco mais de apoio para as mães guerreiras que precisam trabalhar e sustentar as suas famílias, mas não tem com quem deixar as suas crianças.

Às vezes algumas mães são julgadas por manter seus filhos na creche muito cedo para poder voltar ao trabalho. Por causa dessa situação, muitas mulheres acabam se excluindo do mercado de trabalho para não ter que vivenciar esse preconceito.

Mãe empreendedora

Depois que muitas mulheres são mães e precisam tirar á licença-maternidade. Perdem algumas oportunidades e com isso chegam a ficar fora do mercado de trabalho.

Muitas mães quando tiram licença maternidade deixam o mercado de trabalho quando termina os 24 meses, a maioria dessas demissões ocorre sem justa causa e muitas vezes por decisão do seu empregador.

Apesar das dificuldades encontradas no mercado de trabalho muitas mulheres com filhos tem se superado e apresentado seus potenciais e habilidades.

Enfim, você gostou deste artigo?
Portanto, Inscreva-se no canal do YouTube e em nossas redes sociais (como TwitterInstagram). Portanto, você estará atento a todos os assuntos relacionados ao banco digital, cartões de crédito, empréstimos, tecnologia financeira.  

Sem comentários

Muito obrigado por deixar sua opinião ela e muito importante.