Últimas notícias

Para reduzir juros no crédito imobiliário Caixa fará novas exigências em 2022.


A Caixa Econômica Federal decidiu alterar as condições de concessão de crédito imobiliário. No entanto, o banco negou que estivesse reajustando suas taxas com referência a taxas fixas. Hoje, a taxa OTC é de 8,99% ao ano, valor que está em vigor desde novembro de 2021.

Caixa, haverá uma "aplicação integral das condições do redutor, a taxa de juros pode variar entre 8% e 8,8% ao ano, dependendo do relacionamento do cliente com o banco para conseguir uma redução na taxa de financiamento, preciso comprar mais produtos no banco Abrir folha de pagamento, comprar seguro, fazer investimentos e solicitar cartão de crédito são alguns exemplos.

As alterações só devem ser feitas a partir de fevereiro. De acordo com especialistas, o banco vai realmente aumentar as taxas de juros disfarçadas. Isso porque os ajustes estão atrelados às taxas de juros finais, os produtos bancários devem ser avaliados individualmente e a compra de outros serviços nem sempre é do interesse do comprador.

Quem contrata financiamento terá que investir uma parcela maior de sua renda, comprar um imóvel mais barato ou dar uma entrada maior. Além disso, com a Selic em alta, há uma chance de que as taxas da Caixa voltem a se ajustar no futuro. Por fim, para Marco Adnet, vice-presidente do Sindicato dos Diretores de Empresas do Mercado Imobiliário do Rio, embora os juros estejam mais altos, o mercado imobiliário deve acompanhar o ritmo.

Enfim, você gostou deste artigo? 

Portanto, Inscreva-se no canal do YouTube e em nossas redes sociais (como TwitterInstagram). Portanto, você estará atento a todos os assuntos relacionados ao banco digital, cartões de crédito, empréstimos, tecnologia financeira.


Sem comentários

Muito obrigado por deixar sua opinião ela e muito importante.